Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linha de Urologia e Sexologia

Linha de Urologia e Sexologia

17
Jun08

Qual a forma de saber se estou contagiada com alguma DST?

Linha de Urol.

De Cristina, a 9 de Junho de 2008 às 15:32

  

Boa tarde,

   

sou a Cristina e gostava de saber qual a forma de eu saber se eu tou contagiada com alguma DST?

   

Gostava também de saber se é verdade que de três em três anos é necessário mudar de pilula...Eu tomo a pilula valete a quase três anos.

  

Obrigada pela atenção, cumprimentos

Foto in: http://www.geocities.com/livia_cristhina/mulher.bmp

 

 

Bom Dia Cristina,

 

Hoje em dia ainda não temos ao nosso dispor todas as técnicas e análises de rastreio e avaliação de todas as doenças sexualmente transmissíveis. Mas deverá fazer o uso de testes que detectam algumas DST: HIV (AIDS); Pesquisa de tricomonas, gonorréia, gardinerela, clamidia e micoplasma (URETRITES); súmario e cultura de urina (INFECÇÕES URINÁRIAS), Herpes IgG e IgM (HERPES GENITAL); VDRL (SÍFILIS); anti-HBC IgG e IgM (HEPATITE B).

  

O meu conselho é que em caso de dúvida de contágio de alguma doença sexualmente transmissivel derevá procurar um médico, pois a SIDA existe em grande número em todo o mundo, e esta não está sózinha, porque a sífilis também pode matar, ou cegar, as suas vítimas; a Clamídia e a Gonorréia podem causar esterilidade, o  Vírus do Papiloma Humano (HPV) aumenta o risco de cancro do útero. O pior é que geralmente as chamadas DST's, doenças sexualmente transmissíveis, quase não apresentam sintomas nas suas fases iniciais. Às vezes uma pequena dor ou um ardor ao urinar, uma estranha verruga sobre os órgãos genitais ou uma leve comichão na região pubica.

 

Para que sejam detectadas infecções e doenças sexualmente trabsmissiveis, é importante e necessário, que tanto homens como mulheres façam exames periódicos e que utilizem o método contraceptivo de barreira (preservativo) para se protegerem das DST's.

 

Em relação à toma da contracepção, esta só deve ser interrompida quando pretende engravidar, ou sinta alguma diferença / anomalia no seu organismo, caso contrário não existe necessidade de paragem de contracepção, pois hoje em dia as contracepções têm uma dosagem tão leve que não se justifica paragens de desabituação.

 

Obrigada. 

9 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Dr. Manuel Mendes Silva

Médico Urologista Fellow do European Board of Urology. Ex-Presidente da Associação Portuguesa de Urologia e do Colégio de Urologia da Ordem dos Médicos. Ex-Vice Presidente da Sociedade Portuguesa de Andrologia. Director da Oficina de Ética da Conderação Americana de Urologia.

Links

Hospital de ST Louis

  •  
  • Caracterização dos Leitores da Linha de Sexologia

    Métodos Contraceptivos utilizados pelos leitores da linha de Sexologia:

    Total de 426 Votos
    Votação realizada de 22/02/2008 a 27/03/2008

    Pílula - 213 (50%)
    Preserv. Masc. - 107 (25.12%)
    Coito Interrom. - 35 (8.22%)
    DIU - 25 (5.87%)
    Anel Vaginal - 18 (4.23%)
    Abstinência - 13 (3.05%)
    Implante - 5 (1.17%)
    Contrac. Cirúrg. - 4 (0.94%)
    Contrac. Emerg. - 2 (0.47%)
    Espermicida - 2 (0.47%)
    Injectável - 1 (0.23%)
    Preserv. Femi. - 1 (0.23%)

    Das seguintes expressões, a que melhor me descreve é:

    Total de 146 Votos
    Votação realizada de 27/03/2008 a 12/05/2008

    Lésbica - 3 (2.05%)
    Gay - 4 (2.74%)
    Homossexual - 4 (2.74%)
    Heterossexual - 115 (78.77%)
    Bisexual - 13 (8.90%)
    Nenh. desc. - 2 (1.37%)
    ident. sex. oscila - 5 (3.42%)

    Arquivo

    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2013
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2012
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2011
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2010
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2009
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2008
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D

    Envie a sua questão

    As respostas às suas dúvidas atendem a diversos critérios. Neste serviço, não serão consideradas válidas questões com falta de enquadramento ou situações de emergência que só possam ter encaminhamento imediato.

    E-mail: CLIQUE AQUI PARA ENVIAR